• Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Programa Secti na Área

Notícias

17/04/2017 11:00

Edital do British Council em parceria com a Fapesb tem solenidade de premiação em Goiânia

O Programa de Bolsas de Estudos de Mestrado para Grupos Sub-Representados na Ciência no Brasil, realizado por meio do British Council e co-financiado pelas Fundações de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB), Goiás (FAPEG), e Paraíba (FAPESQ/PB), contemplou dez candidatos de diferentes áreas para participar de um programa de mestrado no Reino Unido. A solenidade de premiação acontece na próxima terça-feira, dia 18 de abril, às 8h, no Palácio das Esmeraldas, em Goiânia.

O evento contará com a presença de todos os bolsistas selecionados, representantes da Embaixada Britânica, do British Council, além dos presidentes das Fundações. “A Fapesb entra como cofinanciadora desta iniciativa porque acreditamos que é preciso diminuir as desigualdades nos campos da ciência, tecnologia e inovação. A diversidade é um valor que possibilita agregar mais talentos a serviço do desenvolvimento do nosso estado”, afirma Lázaro Cunha, diretor-presidente da Fapesb.

Sob a linha de Professional Development & Engagement (PDE) do Fundo Newton, o programa busca fortalecer a participação de grupos sub-representados, como minorias étnicas e pesquisadoras de ciência e inovação no Brasil, além de influenciar mais práticas e políticas inclusivas. Ao todo, foram dez candidatos selecionados dos três estados, sendo que duas são baianas: Kivia Vieira, na área de geologia; e Tamiles Batista Silva, na área de nutrição.

De acordo com a estudante Tamiles Batista Silva as expectativas são as melhores possíveis. “Pretendo aproveitar ao máximo essa oportunidade única que me foi dada. O apoio da Fapesb foi essencial e mostra a preocupação com ciência e futuros pesquisadores da Bahia, criando alternativas e ferramentas para mudar uma realidade, através da educação e da ciência. Esse é só o começo, e acredito que esse apoio fomentará o desenvolvimento de pesquisas na inovação e tecnologia, criando novos sistemas que visem facilitar e levar a conhecimento para todos”.

Para a estudante, Kívia Vieira, explica que terá a oportunidade de desenvolver seu projeto de pesquisa em uma universidade renomada, aprimorar o inglês e aprender muito com alguns dos melhores profissionais do mundo. “São muitas as vantagens! Terei a oportunidade de fazer mestrado em uma universidade do Reino Unido, o que possibilitará o uso de todas as ferramentas que eu preciso no meu projeto de pesquisa. Tenho certeza que esta é uma oportunidade única e que me trará bons frutos no futuro”.

O programa conta com as seguintes etapas: curso de inglês e preparação para o exame IELTS, curso de inglês de verão no Reino Unido, mestrado integral no Reino Unido e atividades de disseminação de impacto (ações de compartilhamento das conclusões acadêmicas e experiências pessoais). Cada um dos selecionados receberá valores próximos a £40.000 (quarenta mil libras esterlinas), que cobrirá todos os custos das atividades acadêmicas.

SERVIÇO
Solenidade de Premiação do Programa de Bolsas de Estudos de Mestrado para Grupos Sub-Representados na Ciência no Brasil
18 de abril, às 8h.
Palácio das Esmeraldas – Salão Dona Gercina Borges Teixeira.
Na cidade de Goiânia, Goiás.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.