• Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Programa Secti na Área

Cidades Inteligentes

O conceito de Cidades Inteligentes (Smart Cities) envolve a combinação de investimentos em capital humano e social com tecnologias de informação e comunicação (TIC) voltadas ao desenvolvimento econômico sustentável e melhoria da qualidade de vida.

Concebido como uma extensão ao projeto Banda Larga, as Cidades Inteligentes visam estimular a utilização da infraestrutura de comunicação implantada, através do desenvolvimento e implantação de soluções inovadoras para municípios, reunindo pesquisadores, desenvolvedores, gestores municipais e cidadãos de maneira a buscar a convergência entre as necessidades locais e as soluções pesquisadas e desenvolvidas.

O projeto compreende, ainda, a utilização do Parque Tecnológico como um laboratório vivo (Living Lab), voltado a cenários, conceitos e casos de uso para Cidades Inteligentes, integrando processos de pesquisa e inovação. A sua operação, além de atuar como um canal de comunicação (e negociação) entre provedores e demandadores, deverá propiciar a exploração, experimentação e avaliação da inovação em ideias e soluções para Cidades Inteligentes.

As funções das Cidades Inteligentes associam a inovação, eficiência na gestão e integração de soluções de TIC na resolução de problemas, abrangendo fatores sociais, desenvolvimento urbano, competitividade regional, segurança pública, conservação ambiental, saúde e educação.
Recomendar esta página via e-mail: