• Informativo
  • Banner
  • RH Bahia
  • RH Bahia

Notícias

15/08/2019 16:00

Secretária da Secti se reúne com ministro de Portugal para alinhar parcerias no ramo científico

Além da cultura, arquitetura e outros aspectos, a Bahia pode ganhar mais uma característica em comum com Portugal, a produção científica. A secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação, Adélia Pinheiro, e o ministro de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Portugal (MCTES), Manuel Heitor, se reuniram, durante o I Fórum Internacional do Meio Ambiente e Economia Azul, nesta quarta-feira (14), em Salvador, para tratar sobre parcerias entre Bahia e Portugal.

De acordo com Adélia Pinheiro, o Fórum abordou temática oportuna para o Estado e estratégica para o mundo. “As reuniões satélites permitiram definir interesses comuns e parcerias em ciência e tecnologia para buscar soluções de problemas do nosso estado e do Nordeste. Este encontro pode trazer grandes benefícios para a comunidade acadêmica”, disse, destacando que Portugal é um dos maiores parceiros da Bahia em relação a convênios com instituições.

Além disso, o diretor da Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (Fapesb), reconhece a necessidade de criar um edital em conjunto ao governo de Portugal para ampliar e melhorar o intercâmbio de conhecimentos. “Estamos estruturando junto à fundação que é responsável pelo fomento à pesquisa de lá, a possibilidade de concretizarmos esta parceria o mais breve”, afirmou.

Após a reunião, ficou acertado que a parceria, com foco inicial em pesquisa para desenvolvimento sustentável através do Oceano Atlântico, pode ser estendida para outras áreas do conhecimento. Também estiveram presentes os representantes da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), da Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil, da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Ceará (Secitece), do Air Centre, e do Centro de Estudos e Estratégias em Relações Internacionais (Ceeri).
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.