• Informativo
  • Bahia estado voluntário
  • Bahia estado voluntário

Notícias

10/12/2019 16:00

Educa Nordeste é tema de debate na Feira de Ciências, Empreendedorismo e Inovação

O EDUCA Nordeste, projeto que aprimora o conteúdo científico na educação através de diversas ações articuladas para popularizar o ensino das ciências, foi tema de debate no primeiro dia da Feira de Ciências, Empreendedorismo e Inovação da Bahia (Feciba), nesta terça-feira (10), em Lauro de Freitas. Com a presença da secretária da Secti, Adélia Pinheiro, e das professoras Karina Menezes e Andréia Oliveira, a mesa, mediada pelo subsecretário da Educação, Danilo Souza, serviu para apresentar a rede, composta pelos estados da Bahia, Sergipe, Rio Grande do Norte e Paraíba, que conseguiu aprovação de R$ 16 milhões para investir em ciência na escola.

Um total de 91 escolas públicas do ensino médio e fundamental serão beneficiadas, entre as quais 51 estão na Bahia, impactando aproximadamente 25 mil alunos. O projeto visa aprimorar a qualidade do ensino das Ciências na educação básica, por meio da realização de atividades inovadoras, de modo a potencializar o ensino e o aprendizado neste campo em específico. Cada escola passará a contar com ações estratégicas de intervenção em rede voltadas para o desenvolvimento de professores para o ensino destas disciplinas e estimular o interesse de estudantes pelas carreiras científicas, fortalecendo a interação entre escolas públicas de ensino fundamental II e médio e unidades de ensino.

Principal responsável por articular essa rede de ensino que captou R$ 16 milhões, a Secti esteve representada na mesa pela sua secretária, a professora Adélia Pinheiro. De acordo com a gestora, esta é uma ação para ser desenvolvida colaborativamente para que os resultados possam contribuir com a sociedade. “Essa foi uma proposta construída a muitas falas, diálogos, mãos e computadores. Temos compromisso com o EDUCA Nordeste de forma a contribuir com a formação de crianças e jovens do nosso estado e da nossa região. É importante estarmos sempre engajados na busca de consciência crítica reflexiva”, ponderou.

FECIBA

A Feira de Ciências, Empreendedorismo e Inovação da Bahia (Feciba), organizada pela Secretaria da Educação (SEC), teve início nesta terça-feira (10) e segue até quinta-feira (12), no Centro Pan-Americano de Judô, em Lauro de Freitas. Com o objetivo de estimular a relação ensino-aprendizagem e fomentar o protagonismo dos estudantes na construção do seu conhecimento por meio da iniciação científica, a Feciba reúne 480 estudantes expositores, acompanhados por 240 professores orientadores e cujos projetos foram selecionados entre 1.002 desenvolvidos nas unidades escolares de todo o Estado durante o ano letivo de 2019.

*Com informações da SEC 
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.